Sociedade

Psicanálise do homem desbussolado

Alguns aforismos, propostos por Jorge Forbes, sobre as mudanças necessárias a uma Psicanálise do Século XXI. Informações de relevância, porém concisas, o que obriga a cada um por de si, ao completá-las. 

Psicanálise e religião

Entre dois rochedos a navegação é delicada: afinal, a psicanálise se inscreve como um racionalismo denunciando as ilusões das religiões, ou a psicanálise seria parente dessas mesmas ilusões que necessitam a dimensão da crença para funcionar?

Nota Prévia: Famílias Geneticamente Modificadas

Não nascemos mais como antigamente

Essência Vazia

Essência Vazia

Lilian Mattos

O que é o ser humano? Lilian Mattos mostra como a filosofia e a psicanálise falam frente a essa inquietante pergunta.

Quando a Repetição Traz o Novo

"Vemos na letra de A Cajuína, Caetano Veloso se perguntando sobre a base de nossa existência, para que vale existirmos. A resposta é o próprio cantar a existência". Trecho do livro “Da Palavra Ao Gesto do Analista” de Jorge Forbes.

Três corridas de Lola, a Antígona pós-moderna

Em 9 de dezembro de 2016, noite chuvosa de sexta-feira em São Bento do Sapucaí, Lola esteve no centro da palestra “Corra, Antígona, Corra”, do psicanalista Juan Jorge Michel Fariña (Illya), professor da Universidade de Buenos Aires, que abriu a Conversação Clínica IPLA 2016: “Sintoma, para que te Quero”

A nova economia do amor: criar os filhos

A nova economia do amor: criar os filhos

Dagmar Silva Pinto de Castro

Mulheres, mães, revolucionárias? Não seriam elas as parteiras de outras formas de organização de um mundo? 

Donald Trump e os internautas

Donald Trump e os internautas

Dorothee Rüdiger

A pós-verdade na rede ou fora dela só deixa mais evidente que nossas falas são construções linguageiras em torno do grande mistério que cerca o amor e a morte

Receitas modernas em um mundo mutante?

Receitas modernas em um mundo mutante?

Dagmar Silva Pinto de Castro

Não há mais um saber ideal ou absoluto. Isso não ocorre por incapacidade de quem faz ciência, mas é a própria ordenação do mundo, afastado de seu sentido originário 

Do Mix cultural, das múltiplas formas de trabalho em rede e da responsabilidade pelo que não se sabe

Esse texto foi apresentado nesta semana, 18/10/16, por solicitação de Jorge Forbes, em seu curso semanal, que trabalha atualmente as consequências do pós-humanismo na subjetividade humana e a posição da psicanálise. 


1/19 Next >