Sábados no IPLA - Abril/2016

Sábados no IPLA: 02/04/2016 02/04/2016

Psicanálise e Psiquiatria
Quando? Como? Por que? Para que?

O IPLA promove, no próximo dia 2 de abril, seu primeiro “Sábados no IPLA” de 2016. Analisaremos as relações entre psicanálise e psiquiatria segundo Freud e Lacan. Freud concebeu a psicanálise a partir dos esforços e fracassos médicos para entender e tratar a histeria, mas fez questão de que ela não se tornasse um simples ramo da medicina,  como argumenta em A Questão da Análise Leiga. Lacan, embora tenha reafirmado o lugar excêntrico da psicanálise em relação à medicina, sempre fez conexões entre essas áreas e considerou a psicanálise como a última flor da medicina. Valorizou, de um lado, sua função na formação do psiquiatra e, de outro, a importância da psiquiatria na formação do psicanalista.

Quais são as relações entre psicanálise e psiquiatria hoje, dadas as modificações que sofreram nas últimas décadas? No caso da psicanálise: a diferença entre a primeira e a segunda clínicas de Jacques Lacan, a saber, a clínica do simbólico e a clínica do real. No caso da psiquiatria: a clínica baseada nos DSM (Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders), reformulados periodicamente, com seus catálogos de sintomas e de critérios operativos e no dinamismo dos novos fármacos, tratamentos e recursos tecnológicos.

Interessa compreender quando?, como?, por que? e para que? um psicanalista encaminha o analisando a um psiquiatra e, vice-versa, quando?, como?, por que? e para que? um psiquiatra encaminha o seu paciente a um psicanalista. Esse diálogo que já dura mais de 100 anos é bem atual.

São essas as questões que discutiremos nesse curso. Esperamos você!

Programa

9h00 – 9h30: Café com bolo IPLA

9h30 – 11h00: Aula Inaugural O sentimento do homem do futuro – Jorge Forbes
Que mudanças na psicanálise e na psiquiatria podemos esperar da revolução NBIC (Nanotecnologia, Biotecnologia, Informática, Cognitividade)?

11h00 – 12h00: Aula 2 Como anda a droga na psiquiatria? – Elisa Padovan Camillo
Doença mental. Como a droga funciona? Sobre a Medicina Baseada em Evidências. Os DSM. Efeito placebo. A psiquiatria e o tratamento farmacodinâmico.

12h00 – 12h15: Café com bolo IPLA

12h15 – 13h15: Aula 3 A análise leiga – Dorothee Rüdiger
Práxis psicanalítica. O poder das palavras (214). O enigma do amor transferencial. “Todo aquele que quiser praticar a análise em outras pessoas, que se submeta, ele próprio, a uma análise”.

13h15 – 15h00: Horário de Almoço

15h00 – 16h00: Aula 4 – A clínica das psicoses – Ariel Bogochvol
Um caso de Paranoia – Apresentação de Teresa Genesini.

16h00 – 17h00: Aula de encerramento – O lugar da psicanálise na psiquiatria – Ariel Bogochvol
Psiquiatria e psicanálise. História e estrutura. O sonho freudiano. A via lacaniana. Excentricidade. A ética da psicanálise e da psiquiatria. Quatro posições. A psicanálise na formação do psiquiatra. A psiquiatria na formação do psicanalista.

Deixe uma resposta