Oficina de Leitura 2019

Oficina de Leitura dos Textos Clássicos 05/03/2019

A Oficina de Leitura é uma atividade aberta e recomendada a todos os alunos matriculados nos corpo de formação do IPLA.

Este primeiro semestre de 2019 será dedicado à leitura de “O Seminário sobre A Carta roubada” de Jacques Lacan, escolhido como texto de abertura de seu livro Os Escritos (p. 13 a 66, Editora Zahar, 1998).

O artigo recorre a um comentário do conto de Edgar Allan Poe, A Carta Roubada, para retomar algumas lições de seu Seminário 2 – O eu na teoria de Freud e na técnica da psicanálise (1954 – 55). Neste seminário Lacan aborda o conceito de Eu em Freud e vai mostrar que o sujeito, além da relação com o outro imaginário, está assujeitado à insistência da cadeia significante.

É um texto paradigmático na introdução do registro simbólico e do algoritmo saussuriano na releitura da obra freudiana.

No segundo semestre vamos empreender a leitura do Seminário XI de Jacques Lacan, Os quatro conceitos fundamentais da psicanálise. Este seminário, de 1964, fecha o ciclo de reordenamento da teoria freudiana à luz do “algoritmo saussuriano” conduzido por Lacan desde 1953 e abre uma elaboração teórica pessoal: Lacan sofrendo “a excomunhão maior” da IPA, não hesita e afirma suas posições propondo outra releitura de quatro conceitos freudianos:  Inconsciente, Repetição, Transferência e Pulsão. O seminário XI  possui uma dupla dimensão histórica: ele vem na sucessão da única lição do seminário  “ Os nomes do pai”, e marca assim uma etapa decisiva na construção do caminho de Lacan rumo ao além do Édipo, e,   por outro lado, marca o início das publicação dos Seminários por Jacques-Alain Miller.

NB:  não haverá sessão de leitura nas terças-feiras seguindo as aulas inaugurais do Dr. Jorge Forbes.