Curso Online 2019: De Freud a Lacan na Psicanálise Contemporânea

Curso online do IPLA em parceria com MANOLE EDUCAÇÃO.

Inscrições: http://manoleeducacao.com.br/curso-freud-lacan-psicanalise-contemporanea

 Início: 25/Fevereiro/2019


O QUE É
O  Curso De Freud a Lacan na psicanálise contemporânea pretende em um ano explicar as bases da psicanálise em Sigmund Freud e o seu avanço em Jacques Lacan a partir da perspectiva teórico-clínica psicanalítica. Para tanto propõe um programa de quatro unidades com aulas que dão acesso à compreensão das duas tópicas do inconsciente de Sigmund Freud e das duas clínicas desenvolvidas por Jacques Lacan e de sua aplicação clínica.

 

A QUEM SE DESTINA 
O curso  destina-se a todos que possuem sensibilidade com o sofrimento humano  e desejam conhecer a  obra de Sigmund Freud e de Jacques Lacan.  Com uma linguagem acessível, pretende  transmitir os conceitos fundamentais da psicanálise não somente para psicólogos e médicos, como também a interessados das mais diversas formações profissionais.  No entanto, o curso não se destina exclusivamente aos iniciantes na teoria que trata do inconsciente. Psicanalistas e pessoas já versadas na psicanálise, com ou sem experiência clínica, são  igualmente bem vindos para as aulas desse curso.  Estas são baseadas numa releitura dos principais textos de Freud e Lacan com ênfase na prática da psicanálise.

 

EMENTA
A clínica é a razão de ser da psicanálise,  desde sua  origem até  a interpretação  dos sintomas de nossos dias. Foi de sua convicção de que os sintomas da histérica não tinham  origem em uma lesão orgânica,  que  Sigmund Freud conseguiu elaborar não somente uma representação da psique humana, como também um modo de intervenção pela palavra para atuar sobre o sintoma. Interpretou o inconsciente a partir de suas manifestações: sonhos, chistes,  tropeços  na vida cotidiana. Desmontou os mecanismos que, descolando os afetos das representações, permitem aos sintomas se manifestarem em substituição às representações recalcadas.

Nos primeiros anos dedicados à descoberta do inconsciente do desenvolvimento da psicanálise como seu método de interpretação, Sigmund Freud serviu-se de um modelo relativamente simples do aparato psíquico, no qual localiza  o inconsciente, o  pré-consciente e o consciente.  A partir de 1923  introduziu uma representação psíquica com três instâncias:  Ego, Id e Superego. Assim, deu conta da insistência do sintoma. Percebendo a satisfação que se encontra numa repetição, Freud reconfigurou os limites e os fins da análise. Incluiu, finalmente, em sua concepção do inconsciente o impossível de ser analisado. 

Jacques Lacan tomou para si a tarefa de encontrar respostas clínicas para as diversas expressões desse impossível. Relendo seu percurso, nele distinguimos duas clínicas, com fundamentos, formalizações, manejos e orientações diferentes, que estabelecem, entre si, relações complexas. A primeira, dos vinte anos iniciais de seu ensino, corresponde a seu “retorno a Freud”. Nela, as estruturas clínicas, isto é, neurose, psicose e perversão,  se ordenam em torno do pai. A segunda clínica, elaborada nos últimos dez anos de ensino de Lacan, responde às mudanças da globalização, da emancipação das mulheres e da consequente demanda por uma teoria psicanalítica sobre a sexualidade feminina. Considerando a impossibilidade de decifrar os novos sintomas, Lacan toma a experiência do encontro com o Real como paradigma.

O curso será realizado em dois semestres: um dedicado a Freud, outro a Jacques Lacan e suas clínicas.  Para estruturá-lo, recorremos a divisões significativas nas duas elaborações. Em Freud, privilegiamos a diferenciação entre suas duas tópicas. Em Lacan, a construção de suas duas clínicas: a primeira, do simbólico, e a segunda, do Real.

Haverá três formatos de realização das aulas. As aulas magnas de Jorge Forbes serão proferidas e transmitidas ao vivo a partir do auditório do IPLA  com a presença dos alunos do curso presencial do IPLA  De Freud a Lacan  - Curso fundamental  e do curso intermediário O sintoma de Freud a Lacan. A maioria das aulas dos demais docentes serão gravadas.  Com esses docentes haverá chats ao vivo quinzenais sobre o tema das respectivas aulas.

 

PROPOSTA DE CURSO:

CURSO 1: SIGMUND FREUD: A DESCOBERTA DO INCONSCIENTE E A PRIMEIRA TÓPICA
O primeiro curso trata da descoberta do inconsciente  e de suas formações - sonho, chiste , ato falho e sintoma.  Dá uma introdução sobre a técnica psicanalítica tal como aplicada por Sigmund Freud para , finalmente, abordar o Complexo de Édipo, chave de compreensão do inconsciente freudiano.

CURSO 2: SIGMUND FREUD: DESAFIOS CLÍNICOS PARA A  PSICANÁLISE  E A SEGUNDA TÓPICA
No curso dois, os docentes realizam uma releitura dos  textos escritos por  Sigmund Freud que são de suma importância para a psicanálise contemporânea. Dentre outros, destacam-se Além do Princípio do Prazer e Análise terminável e interminável,  que dão acesso à metapsicologia freudiana.

CURSO 3: JACQUES LACAN: A PRIMEIRA CLÍNICA - CLÍNICA ESTRUTURAL
É do retorno a Sigmund Freud  empreendido por Jacques Lacan pelos conceitos da linguística e do estruturalismo e de suas consequências clínicas que trata o terceiro curso do ano.  Conceitos lacanianos,  tais como “sujeito do inconsciente”, “desejo do Outro” e “objeto causa do desejo”,  serão assuntos das aulas que têm como objetivo levar à compreensão do porquê,  para Jacques Lacan, o “inconsciente é estruturado como uma linguagem”.  

CURSO 4: JACQUES LACAN: A SEGUNDA CLÍNICA  - CLÍNICA DO REAL
O quarto e último curso do ano traz os  fundamentos dados por Jacques Lacan para a psicanálise do homem do século XXI. Trata da “clínica do Real”, criada em meio à crise da sociedade pai-orientada, para dar conta de novos sintomas clínicos  e, principalmente,  da sexualidade feminina. Temas tais como a diferença radical entre homens e mulheres, expressa no aforismo lacaniano “Não há relação sexual”  e seus desdobramentos clínicos são temas desse curso.

 

 DIFERENCIAIS:

  • Facilidade de compreensão dos textos de Sigmund Freud e Jacques Lacan;
  • Visão da prática, conquistas e impasses da psicanálise no dia a dia;
  • Direcionamento para psicanalistas e todos aqueles que querem ter um acesso à psicanálise;
  • Aulas ministradas por psicanalistas  com grande experiência didática e clínica;
  • Elaboração de materiais complementares, partilhados em redes sociais e em grupos de discussão;
  • Monitoria disponível full-time para encaminhar as dúvidas dos participantes e auxiliá-los no que for necessário.
  • Aula inaugural de cada bimestre ministrada por Jorge Forbes.